Início / Boletim Esportivo / PROFESSOR DA AAR COMPLETA 10 ANOS DE TRABALHO

PROFESSOR DA AAR COMPLETA 10 ANOS DE TRABALHO

PROFESSOR DA AAR COMPLETA 10 ANOS DE TRABALHO

Alessandro Malaquias contou sobre sua carreira, trajetória e seu atual momento no esporte

O professor de futsal da Associação Atlética Riopardense (AAR), Alessandro Malaquias Pereira, está completando 10 anos de trabalho no clube tricolor. Ao longo dos anos, ele colecionou mais de 100 troféus conquistados em diferentes gerações no futsal, tanto no masculino como no feminino.
Formado em Educação Física, ele também já trabalhou no DEC e no Rio Pardo Futebol Clube. E, na última década, desenvolve um excelente trabalho no clube atleticano. Alessandro contou à Gazeta do Rio Pardo um pouco sobre a sua vida.
.
Como surgiu sua vocação para ser um educador físico?
Desde criança sempre gostei de esporte, principalmente do futsal, em que como atleta defendi muitas agremiações.
.
Quais foram os fatos marcantes do esporte em sua vida?
Lembro quando iniciei na escolinha do Nando e do Rondinelli. Com eles tive várias experiências, entre eles ter participado de avaliações em grandes clubes como Corinthians, Palmeiras e XV de Piracicaba, além do União Bandeirantes-PR e Santo André, quando fui levado a estes clubes pelos ex-jogadores Ali Carolino e Vitor Fumaça. Agradeço a todos eles pela oportunidade que me foi dada.
.
Quando e como se deu sua chegada à Associação Atlética Riopardense?
Foi através do professor Luis Fernando Abichabki, a quem devo minha eterna gratidão. Fui convidado para auxiliá-lo no futebol, aonde tive um grande aprendizado. Depois iniciei a difícil missão de restaurar o futsal do clube.
.
Como foi o início do seu trabalho no clube?
O Luis Fernando, que hoje é treinador em Dubai, me ajudou muito na formação e estruturação do futsal do clube. Fizemos um trabalho de incentivação para que os atletas do futebol jogassem também o futsal, que até então não tinha muitos adeptos. Com o passar dos anos tudo mudou, o futsal cresceu e hoje é uma referência regional com nossas equipes disputando todas as categorias de base.
.
Como foram estes 10 anos de trabalho com o futsal na AAR?
Foi muito gratificante iniciar uma modalidade, ou seja, o futsal no clube, onde atingimos objetivos de formar equipes femininas quando iniciamos com 60 atletas em várias faixas etárias, além, é claro, do trabalho com o futsal masculino. Ao longo destes 10 anos foram muitas conquistas e muitos destaques individuais.
.
Suas considerações finais.
Gostaria, no final, de agradecer à Deus, minha família, aos meus professores de infância que despertaram em mim o gosto pelo esporte. Agradeço ao DEC e ao Rio Pardo Futebol Clube, que abriram as portas para mim no início de minha carreira. E à AAR, que me deu condições de realizar o meu trabalho e colocar o futsal de base rio-pardense entre os melhores da região.
.
(Fonte: Gazeta do Rio Pardo)

Confira também

Atletas do DEC São José se classificam para o Kim Mollo

Atletas do DEC São José se classificam para o Kim Mollo A natação do DEC …