Início / Plantão de Polícia / Polícia Militar detém motoboy e muita droga no Vale Redentor

Polícia Militar detém motoboy e muita droga no Vale Redentor

Setecentos e sessenta e sete (767) eppendorfs ou pinos vazios para acondicionar cocaína, 130 pinos cheios da droga e mais dez (10) gramas de maconha foram apreendidas na noite de 4 de maio na avenida Waldemar Poggio, Vale do Redentor, pela equipe Rocam da polícia militar. O suspeito ICEM, que carregava as drogas e os recipientes em uma sacola, conseguiu fugir. Um motoboy (LC), que levava o suspeito na garupa, está preso e a motocicleta (CG 160 Fan) apreendida.

Segundo as informações que LC passou à polícia depois que foi detido, ele recebeu uma ligação de ICEM para ir à casa deste, no bairro Santo Antônio, e levá-lo ao Vale. Foi e viu que ICEM tinha consigo uma sacola, que o motoboy alega que desconhecia o conteúdo. Viu, porém, que na subida para o Vale o garupa jogava algo ao chão e, em seguida, ICEM pediu para LC acelerar porque a Rocam estava atrás e se aproximando.

LC acabou sendo alcançado e precisou parar. Ele e ICEM desceram e foram submetidos a vistoria pessoal, não sendo encontrado nada de ilícito. No entanto os policiais já haviam recolhido parte do que ICEM descartara e viram que eram pinos para cocaína, havendo então certeza de que se tratava de tráfico de drogas. Além disso, ICEM já é conhecido da polícia como traficante. Em dado momento, porém, ele, usando de astúcia, conseguiu desvencilhar-se e fugiu.

Os policiais foram atrás dele e, para impedir o motoboy de fugir, retiraram a chave da moto. Ocorre que LC mora ali perto; ele foi até a casa, pegou a chave reserva, voltou ao local e pilotou a moto até sua residência. Os militares voltaram da busca a ICEM (que de fato conseguiu fugir) e foram informados por populares onde o motoboy residia. Segundo a polícia, LC também é conhecido por transportar traficantes e acabou preso.

plantao_policia_imagem_site

Confira também

Notas Policiais

Bancos de Caconde explodidos por assaltantes o menos dez assaltantes armados com fuzis invadiram quatro ...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *