Início / Plantão de Polícia / Motorista e van de São José sequestrados em São Paulo

Motorista e van de São José sequestrados em São Paulo

Motorista e van de São José sequestrados em São Paulo

O motorista ficou sob a mira de arma e foi ameaçado; a van da Prefeitura foi ‘depenada’

 

O motorista e uma van Peugeot da Secretaria Municipal de Saúde de São José do Rio Pardo foram sequestrados quinta-feira, dia 5, no bairro Itaquera, em São Paulo. Ambos foram levados para uma favela, onde o motorista rio-pardense, após passar longo tempo sob a mira de revolver e com o pé de um dos sequestradores sobre sua cabeça, acabou sendo libertado. A van foi levada para outra favela e lá foi parcialmente desmanchada, até que a polícia militar chegou.

A agonia do motorista de São José começou ainda de manhã, pouco depois de ele ter deixado pacientes rio-pardenses no AME de Itaquera. Ao manobrar a van para estacioná-la nas proximidades, foi abordado e rendido por alguns homens armados, que o obrigaram a ir para o fundo do veículo e ficar deitado. Um dos bandidos ficou apontando a arma para ele e pôs um pé sobre sua cabeça, ordenando que não se levantasse senão seria morto. Outro homem assumiu a direção da van e rodou longo tempo com ela por São Paulo.

Chegando em uma favela os bandidos pararam e debateram entre si o que fariam com o motorista de São José. Falavam em matá-lo mas, por fim, liberaram-no e sumiram com o veículo. Muito assustado e sem rumo, o rio-pardense caminhou pela favela e acabou indo parar em uma Mercearia, onde o proprietário o acolheu, dando-lhe água e comida. Eram cerca de 12h30 quando o motorista ligou para São José do Rio Pardo e falou com Rafael, da Secretaria Municipal de Saúde, contando o ocorrido. Ligou também para a esposa, para avisá-la que estava bem.

Rafael, da Saúde, informou-o que outro carro da Prefeitura de São José também estava em São Paulo, guiado pelo motorista Fernando, e este poderia pegá-lo próximo a um Rabib’s. O dono da Mercearia o levou até lá.

Nesse ínterim, porém, policiais militares patrulhavam outra favela e viram, em uma rua estreita, a van com a inscrição “Saúde de São José do Rio Pardo”. Aproximaram-se e alguns homens que estavam nela, possivelmente os mesmos que praticaram o sequestro, fugiram rapidamente. O veículo já estava parcialmente “depenado” e, mais tarde, acabou sendo trazido para São José em um caminhão guincho.

Um policial, cabo PM Rocha, ligou de lá para a Prefeitura de São José e avisou que a van havia sido achada. Foi informado que o motorista rio-pardense estaria perto do Rabib’s e foi com outro policial ao local. Levou a vítima a uma delegacia para prestar depoimento e fazer o B.O. Os dois motoristas da Prefeitura voltaram então para São José, chegando na cidade já na madrugada de sexta-feira, 6 de abril.

Quanto aos pacientes rio-pardenses que foram levados ao AME de Itaquera na van, acabaram voltando para São José do Rio Pardo em um veículo da Prefeitura de Itobi, que estava na capital paulista.

 

Foto tirada de celular e à noite: van já estava bastante desmanchada pelos bandidos

Confira também

Mais um estabelecimento comercial é assaltado em nossa cidade- Vejam esta e outras notas do Plantão de Polícia

  (((((policiais))))))   Mais um estabelecimento comercial é assaltado em nossa cidade Na noite de …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *